Reforma política ou reforma dos políticos? O povo quer saber!

www.socialistalivre.wordpress.com

Obviamente, diferentemente dos partidos burgueses tradicionais (PSDB, DEM, PMDB, etc) não somos contra plebiscitos que questionem sobre possíveis mudanças na vida política do país. É uma arrogância burguesa achar que o povo não é capaz de decidir, em forma de plebiscito, sobre pontos significativos da vida política. O discurso de que o Congresso Nacional deve votar uma suposta reforma política e de que o povo só pode entrar em cena depois para referendar suas decisões, no fundo, faz parte da arrogância partidária burguesa instalada nos castelos políticos do Brasil.

Contudo, mesmo apoiando os plebiscitos, com certeza, os jovens e o povo que se mobilizaram nesse inverno quente brasileiro devem se perguntar: reforma política expressa de fato nossos anseios? Os gritos das ruas fizeram sinceras cobranças aos políticos e aos governos de plantão: mais verbas para a saúde pública, mais verbas para a educação pública, mais verbas para melhorar o transporte…

Ver o post original 534 mais palavras

Anúncios