Ordem e progresso

ordem e progresso

Por Venancio Guerrero.

Há algumas semanas atrás, às redes sociais estavam cheias de acusações por parte de petistas, contra aqueles que levantavam bandeiras do Brasil, óbvio que é salutar a crítica à nossa bandeira, dado que os nacionalismos têm lá suas contradições. Porém muito pior que levantar a bandeira, acreditando-a como elemento de união do povo contra os vende-pátrias, é afirmar, o que todos nós da esquerda sempre cremos como mal do Estado brasileiro, invenção do positivista e ditador Floriano Peixoto: Ordem e Progresso.

Nada mais lógico para um governo que se parece cada vez mais aos militares, onde assunto de Estado é uma questão técnica, e o assunto das ruas, uma questão de polícia. Para quem lava as mãos ante o massacre indígena e dá chá de cadeira em sindicalista (base social de apoio do governo, diga-se de passagem). Isto sim é um nacionalismo perigoso, pois não é nacional do povo contra os de fora, é o nacional do Estado contra o povo, ora os amigos petistas deveriam repensar um pouco sobre o fantasma do golpe.  

 Dilma conclama ordem e progresso para quem? Para Eike Batista? Pois até agora, a quem foi confiado o progresso do Brasil, é aos Eike’s e a todos os verdadeiros vende-pátrias, que podem vender todo o país a preço de banana, se for necessário. Ora presidenta, o Eike faz parte daqueles especuladores que inventam patrimônios e ainda de quebra sai com o nosso Maracanã, e o progresso e a ordem deles, é nossa falência real.

Não é à toa, que o antes super-rico, agora está caindo para as tabelas. Mas será que ele vai quebrar? Ora o Silvio Santos não quebrou, e o dinheiro público vai jorrar outra vez nas mãos destes que sempre ganharam com nosso brasão. Pois, esta é a bandeira deles, este é o lema deles: Ordem e Progresso! Ora, Presidenta, realmente vocês não estão aprendendo com as ruas. Cuidado, pois a Ordem e Progresso deles, pode uma hora achar que tua estrela, já não é útil, mas aí já é tarde e todos nós vamos perder.

 

Anúncios