O peso do sorriso ou a peleja do equilíbrio

O peso do sorriso ou a peleja do equilíbrio

por Vinícius Oliveira

 

Há quem sempre acredite que todo sorriso encontra-se a mais profunda alegria

Da vida bem vivida, dos amores bem amados, de sorrisos encontrados

Há quem escute, piadas e piadistas ao vento Daqueles tipos que gostam de fazer rir

E pensem que o choro que não lacrimeja no olho

Não sangra na alma

 

Há quem espere que o sorriso é sinônimo do equilíbrio

Que contaminar alegria também não pese na face

Há quem duvide da peleja do corpo sobre a gravidade

De quem luta pela verdadeira vida

e as vezes vai morrendo no caminho. 

Uma peleja do equilíbrio sobre o equilibrista.

Anúncios