Sobre o tempo

Por Felipe Spack

A Fernando Marcelino

Tempo é tempo, dinheiro é dinheiro
Já dizia o Fernando Marcelino
O tempo é mais que o relógio e o ponteiro
O tempo é mais que o dobrar de um sino

Sem tempo eu não me recuperaria
De minha escabrosa depressão
Sem tempo, a rosa não abriria
E o lírio morreria em botão

O tempo ajunta os cristais de água
E faz a chuva; o tempo alivia
A pressão da panela; o tempo esfria
O veneno que aflige o coração

Dinheiro é dinheiro, tempo é tempo.
Um brinde a quem luta por mais tempo

 

Anúncios